A autora solitaria

Sozinha, de novo, naquele mesmo lugar. Aquele lugar, você sabe onde é, no meu refugio, você nunca entrou lá. Nunca deixei. Mas sim, eu estou aqui, fazendo o que você está imaginando... Chorando, mais uma vez. Não por você. Já jurei que não chorarei mais por você, e ainda estou cumprindo. Até agora. Choro por todos aquele motivos que você julga tolos, mas na realidade… Sabe que não são tão tolos, principalmente pra mim que sempre tento estar sorrindo e passar a felicidade que… Já não sinto há muito tempo.

"Feitos um pro outro,
Feitos pra durar."

—  Engenheiros do Hawaii  (via acumulou)

"Beije. Ame. Brigue. Sorria. Sinta. Grite. Chore. Faça amigos. A vida é só uma e passa rápido, pare de deixar pra depois."

—  Cazuza (via dominando)

Ah, como eu era tola. Sofrendo, chorando, me machucando ainda mais a cada, nova, tentativa falha daquele amor, já fracassado, mal sabia eu que não muito longe dali, na verdade, bem perto, ao meu lado, me consolando, estava, o amor de verdade.

-Autora Solitaria

autora-solitaria:

Ah, como eu era tola. Sofrendo, chorando, me machucando ainda mais a cada, nova, tentativa falha daquele amor, já fracassado, mal sabia eu que não muito longe dali, na verdade, bem perto, ao meu lado, me consolando, estava, o amor de verdade.

—Autora solitaria

"Somos o motivo de nossas próprias decepções."

—  Cuidei

"Escrevo porque ninguém escuta;
Porque ninguém concorda;
Porque ninguém tem paciência."

"Estar feliz é bem vulgar. Expor sua felicidade é se expor, se desarmar, abaixar as defesas. Estar feliz é bom. Você pensa que o mundo é seguro e que nada de ruim vai acontecer, mas acontece."

"Livros não mudam o mundo. Livros mudam pessoas. Pessoas mudam o mundo."

—   Mário Quintana.  

"Mas ela encontrou você. Você, que não é príncipe. Você, que não tem cavalo branco. Você, que é humano. Você, que também erra. Você, que é homem, mas chora. Você, que nem sempre é valente e corajoso. Você, que também tem defeitos. Você, que ela ama assim, exatamente do jeito que você é: imperfeito."

—  Clarissa Corrêa. (via lovucky)

"Críticas, cansam. Brigas, desgastam. Broncas, revoltam. Saudade, enlouquece. Ninguém percebe. Essa é a vida. Com o tempo aprendemos a viver assim… Simulando, todos os dias, uma felicidade que já não existe a muito tempo, se é que já existiu. Adultos, por favor, entendam, já está na hora. Crianças, por favor, aprendam, antes que se iludam com a felicidade descrita em livros ou filmes… Assim é a vida, cheia de angústias desnecessárias mas que todos lhe obrigam a passar, e com desilusões assim, umas atrás da outras sem tempo pra descanso ou preparação, e também com a saudade que se sente todo dia de um tempo ou de um alguém, não importa o porquê mas está sempre presente, no cotidiano, monótono, dessa vida tão ‘maravilhosa’ que acabo de descrever."

—  Fernanda Freitas- Autora solitária (via autora-solitaria)

Não foi pela sua aparência, foi por esse seu jeito.

Sensação boa é quando você percebe que, mesmo de longe alguém te cuida.

"Talvez tivesse que ser assim."

—  A Hospedeira. (via doistonsdeamor)

"Um dia ela me beijou e disse “eu vou estar sempre com você”.
Na primeira oportunidade ela se foi."

—  (via org-asms)

"Crise de riso, crise de choro, crise de paixão, crise de tristeza. Eu vivo de crises."

—  Caio Augusto Leite   (via involuntus)

Vivid Theme by JoachimT
Desenvolvido por Tumblr

Install Theme